Aumento da produção
e frutos maiores

Stefan Gulin,
Närpes, Finlândia


No contexto finlandês, existe normalmente uma quantidade limitada de luz natural disponível, pelo que se aplica um nível elevado de iluminação suplementar ao longo de períodos de várias horas.

No início,
estava um pouco cético,

mas consegui uma aumento óbvio da produção e frutos maiores.”
Stefan Gulin, proprietário da Oy Gulin Ab

A iluminação adequada 

No início, Stefan estava um pouco cético em relação à utilização da iluminação LED: “Instalar mais iluminação na estufa implica um investimento significativo, por isso temos de calcular com rigor se vai ser rentável”, afirmou. Stefan monitorizou o rendimento na parte LED da estufa e manteve um contacto regular com o especialista de plantas da Philips para debater o progresso.

Stefan apercebeu-se de que, nos 300 m2 onde a iluminação interior LED é utilizada, os tomates são maiores e o rendimento por planta é superior. Isto demonstra mais uma vez o fator X da iluminação interior LED, nomeadamente que é possível obter um maior crescimento a partir dos fotões da iluminação interior LED do que dos fotões da iluminação superior HPS.

Neste caso, as plantas produziram 1,4 vezes mais quilos de tomates por mol de fotões de luz LED do que a cultura de controlo (quilos por mol de luz natural + fotões de luz HPS). Os módulos de iluminação interior LED também são extremamente economizadores, pois produzem fotões apenas para um consumo de energia reduzido. Consequentemente, os quilos adicionais de tomates são produzidos com a quantidade mais reduzida de energia/kg.

Iluminação interior LED Philips GreenPower

O módulo de iluminação interior é um módulo de iluminação bidirecional para iluminação interior entre os vegetais altos como, por exemplo, os tomates.
Ver Produto

Casos relacionados

You are now visiting our Global professional lighting website, visit your local website by going to the USA website